menu

Topo
Blog da Cintia Cercato

Blog da Cintia Cercato

Categorias

Histórico

Será que o café está atrapalhando seu sono? Até que horas devemos tomá-lo?

Cintia Cercato

2029-03-20T19:04:00

29/03/2019 04h00

Crédito: iStock

Café é uma das maiores paixões do brasileiro. Seja pelo aroma, paladar, ou até mesmo por seus efeitos estimulantes. Sim, muita gente usa e abusa do cafezinho para se manter ativo e ter pique. O grande problema é justamente quando chega a hora de descansar. O café afeta muito a qualidade do sono.

De fato, a cafeína é um estimulante do sistema nervoso central e após uma xícara de café, seus níveis já se elevam em poucos minutos e algumas pessoas muito sensíveis podem já perceber o aumento da frequência cardíaca. O pico da cafeína se dá entre 15 e 45 minutos após seu consumo. Nesse momento é quando aparece a explosão repentina de energia. Depois a cafeína é metabolizada e é completamente eliminada do corpo. Mas a duração do seu efeito é variável e influenciada por muitos fatores.

Habitualmente a cafeína tem uma meia vida de cinco horas. O que isso quer dizer? Que se você consumir um expresso que contém cerca de 70 mg de cafeína, após cinco horas você terá ainda 35 mg de cafeína circulando no seu corpo. Vários fatores podem modificar isso. Por exemplo, a nicotina aumenta a eliminação da cafeína e, portanto, os efeitos do café são menos duradouros nos fumantes. Já o uso de anticoncepcionais prolonga a meia vida da cafeína. Em gestante a eliminação está diminuída e pode durar até 16 horas!

Aqui vale lembrar que não é apenas o café que possui cafeína, mas também o Chá verde, Chá mate, refrigerantes, bebidas energéticas, achocolatados e chocolates. Pesquisadores avaliaram os hábitos de consumo de uma população de adultos com 18-58 anos e encontraram que 90% consomem uma boa quantidade de cafeína das 12h às 18h e 68,5% à noite (após as 18h). Isso tem um impacto enorme para a saúde, já que hoje são bem comprovados os malefícios de uma noite mal dormida.

Mas afinal, até que horas é possível tomar aquele café da tarde gostoso sem atrapalhar o sono? Uma pesquisa recente avaliou justamente isso e encontrou que o consumo da cafeína até seis horas antes de dormir ainda fragmentou o sono dos participantes por uma a duas horas. Portanto, pessoas com problemas de sono e muito sensíveis à cafeína devem evitar seu consumo até oito horas antes de ir dormir. Mas se você for uma dessas pessoas que não consegue viver sem o seu café da tarde? Opte por cafés descafeinados. Mas atenção, apesar desse nome, esses tipos de café contem cafeína, porém em uma quantidade bem menor. Moderação é sempre bem-vinda!

Sobre a autora

Cintia Cercato é médica endocrinologista pela USP (Universidade de São Paulo), que se dedica à obesidade desde que defendeu doutorado nessa área em 2004. É a professora responsável por essa disciplina na pós-graduação da Faculdade de Medicina da USP, onde desenvolve várias pesquisas sobre o tema. Foi presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso) e atualmente é diretora do departamento de obesidade da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM).
- Site: www.cintiacercato.com.br
- Facebook: https://www.facebook.com/dracintiacercato/
- Instagram: https://www.instagram.com/cintiacercato/
- Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCbLI7AXyq3G2pyNDEL7zuvg

Sobre o blog

Este é um espaço com conteúdos relevantes sobre controle do peso, dieta, estilo de vida e tratamento da obesidade. Todas as publicações têm como base a melhor evidência científica disponível, garantindo informações de credibilidade.