Topo
Blog da Cintia Cercato

Blog da Cintia Cercato

Categorias

Histórico

Tomar café da manhã é realmente importante para a sua saúde e o seu peso?

Cintia Cercato

06/07/2018 04h00

Crédito: iStock

O café da manhã é a primeira refeição do dia, consumida até 2h após acordar, antes de realizar as atividades diárias, e costuma representar 20-35% do consumo de calorias do dia inteiro. Tomar café da manhã tem sido considerado parte integral de uma dieta balanceada. Pesquisas apontam que quem omite o café da manhã costuma ser mais obeso e ter mais doenças crônicas como diabetes tipo 2 e doença cardiovascular.

Como várias pessoas tem adotado o hábito de “pular” o café da manhã com o objetivo de emagrecer, alguns estudos têm sido realizados para avaliar o impacto da refeição no balanço energético. Veja as descobertas:

1- Efeito do café da manhã no apetite:

Estudos demonstram que quem toma café da manhã tem menos apetite durante a manhã. No entanto, o consumo de calorias no almoço é o mesmo entre quem tomou ou não tomou café da manhã.

2- Efeito do café da manhã nos hormônios de saciedade:

Pesquisas atuais sugerem que marcadores hormonais de fome são suprimidos e existe maior pico de hormônios de saciedade. Alguns estudos demonstram que esse efeito acontece ao longo do dia nas diversas refeições. Mas outras pesquisas só demonstraram esse efeito no período da manhã.

3- Efeito do café da manhã no metabolismo:

Existe um aumento da queima de calorias após o consumo do café da manhã, devido ao efeito térmico alimentar. Estudos demonstraram que esse efeito é muito mais eficiente pela manhã, do que à noite. Aparentemente o organismo lida melhor com as calorias consumidas logo cedo, enquanto as calorias consumidas a noite teriam mais chances de serem estocadas em forma de gordura.

4- Efeito do café da manhã e atividade física:

Pesquisas demonstraram que omitir o café da manhã piora o desempenho de atividade física. Esse efeito foi observado tanto para quem faz atividade física pela manhã, quanto quem faz a atividade física à noite, demonstrando que o café da manhã teria efeitos prolongados para maximizar a capacidade física.

Além dos benefícios listados acima, não há dúvidas de que pessoas que regularmente consomem café da manhã apresentam outros hábitos saudáveis como aumento de atividade física, melhor padrão de dieta e redução de consumo de salgadinhos. Quando falamos em alimentação saudável, devemos levar em conta não apenas o número de calorias ou composição de macronutrientes (carboidrato, gordura, proteína), mas também no consumo de refeições estruturadas, sendo o café da manhã realmente um hábito a ser buscado.

Sobre a autora

Cintia Cercato é médica endocrinologista pela USP (Universidade de São Paulo), que se dedica à obesidade desde que defendeu doutorado nessa área em 2004. É a professora responsável por essa disciplina na pós-graduação da Faculdade de Medicina da USP, onde desenvolve várias pesquisas sobre o tema. Foi presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso) e atualmente é diretora do departamento de obesidade da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM).
- Site: www.cintiacercato.com.br
- Facebook: https://www.facebook.com/dracintiacercato/
- Instagram: https://www.instagram.com/cintiacercato/
- Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCbLI7AXyq3G2pyNDEL7zuvg

Sobre o blog

Este é um espaço com conteúdos relevantes sobre controle do peso, dieta, estilo de vida e tratamento da obesidade. Todas as publicações têm como base a melhor evidência científica disponível, garantindo informações de credibilidade.